domingo, 30 de maio de 2010

O título que veio tarde para ser feliz hoje

Por: Francisco Braz Neto

Hoje é preciso ser feliz mais que em qualquer dia e que seja tão intensamente que dure até o hoje de amanhã o hoje de depois de amanhã e o hoje de sempre. É preciso ser feliz quando você estiver perto e quando você estiver longe me lembrando que me ama.
É preciso ser feliz neste momento pois não temos garantias do próximo movimento nem do próximo sentimento nem dos próximos batimentos de nossos corações esses bons anfitriões que agüentam alguns tormentos mas acham sempre uma cura

Os vários lados do nosso única lado

Chico Braz Neto(18/08/2007)
Lado B, Lado A, ou qualquer lado de um ser humano só é uma parte dele mesmo. A parte que não mostramos para não sermos julgados e sumariamente condenados, mas que sabemos não faz mal ao próximo, só que o mundo é hipócrita demais para suportar todos os nossos lados, aí o lado que aceitam é o que lhes convém, aquele que de preferência os favorece. Nosso lado bonzinho, ingênuo, submisso, frágil e indefeso.
Mas não ligue, eles nunca venceram o nosso todo e nunca vencerão, pois somos infinitos em nós mesmos e nos outros que nos amam e apóiam.
Se você está mais sensível aproveite é um estado onde os sentimentos nos avisam que estamos vivos, tanto que sentimos e reagimos a tudo com mais calor, mais fulgor, fica tudo na pele, no ar e nada passa despercebido.
Palavras sinceras sentimos de longe, palavras, carinho e atenção. Hoje e sempre.

quinta-feira, 27 de maio de 2010

E-mail vai e-mail vem!

Chicão

Tu é fodão bixo!!

Abçs

Anselmo

--- Em ter, 25/5/10, Francisco Braz de Macêdo Neto escreveu:


De: Francisco Braz de Macêdo Neto
Assunto: FW: Para Refletir - O NOSSO LULA! Por Pedro Lima economista da UFRJ
Para:
Data: Terça-feira, 25 de Maio de 2010, 20:29


Só envio porquê tenho em minha mente as palavras do final do e-mail. Se me mandaram trocentos e-mails metendo o pau, e aqui uma ressalva minha, com razão em alguns casos, posso me dar ao direito de mandar um falando bem. Não acho um "maravilhoso analfabeto", mas o país não é feito apenas pelo presidente. Querem um país melhor então cada um faça sua parte e não coloquem a culpa em um só ser humano. Em cada um de nós já pesa as responsabilidades de sermos o que somos, pais, irmãos, filhos, empregados, patrões, maridos, esposas e milhões de coisas que somos e pelas quais somos cobrados. Imaginem ser tudo isso e ainda ser o presidente de quase 200 milhões de pessoas. Eu, Francisco Braz de Macêdo Neto, não concordo com tudo que Lula fez, posso criticá-lo de forma bem pesada, mas reconheço igualmente valores que não vi em outros presidentes. Com o eterno agravante, os outros eram os super capacitados e Lula o incapaz.

Observação: Lula não tem nada a ver com Dilma. As qualidades e defeitos de um ser humano não são transferíveis. Somos únicos. Votem em quem quiserem e que o Brasil melhore. Acho que nisso temos um concensso. A melhora do Brasil.




POR ACREDITAR NA PLURALIDADE DE OPINIÃO, NÃO PODERIA DEIXAR DE REPASSAR ESTE MAIL. CADA UM TIRE SUAS CONCLUSÕES...APENAS REPASSO....

-marco monteiro escreveu:


De: marco monteiro
Assunto: Fwd: FW: Para Refletir - O NOSSO LULA! Por Pedro Lima economista da UFRJ


O principal problema foi a escolha de sua sucessora!


Para se pensar


E AGORA COMO FICAMOS ?


Pedro Lima
(Economista e Professor da UFRJ)

Lula, que não entende de sociologia, levou 32 milhões de
miseráveis e pobres à condição de consumidores;
e que também não entende de economia; pagou as contas de FHC,
zerou a dívida com o FMI e ainda empresta algum aos ricos
Lula, o analfabeto, que não entende de educação, criou mais
escolas e universidades que seus antecessores juntos [14
universidades públicas e entendeu mais de 40 campi], e ainda criou o
PRÓ-UNI, que leva o filho do pobre à universidade [meio milhão de
bolsa para pobres em escolas particulares].

Lula, que não entende de finanças nem de contas públicas,
elevou o salário mínimo de 64 para mais de 291 dólares [valores de
janeiro de 2010], e não quebrou a previdência como queria FHC.
Lula, que não entende de psicologia, levantou o moral da
nação e disse que o Brasil está melhor que o mundo. Embora o
PIG-Partido da Imprensa Golpista, que entende de tudo, diga que não.

Lula, que não entende de engenharia, nem de mecânica, nem de
nada, reabilitou o Proálcool, acreditou no biodiesel e levou o país
à liderança mundial de combustíveis renováveis [maior programa de
energia alternativa ao petróleo do planeta].
Lula, que não entende de política, mudou os paradigmas
mundiais e colocou o Brasil na liderança dos países emergentes,
passou a ser respeitado e enterrou o G-8 [criou o G-20].

Lula, que não entende de política externa nem de
conciliação, pois foi sindicalista brucutu; mandou às favas a
ALCA, olhou para os parceiros do sul, especialmente para os vizinhos
da América Latina, onde exerce
liderança absoluta sem ser imperialista. Tem fácil trânsito
junto a Chaves, Fidel, Obama, Evo etc. Bobo que é, cedeu a tudo e a
todos.

Lula, que não entende de mulher nem de negro, colocou o
primeiro negro no Supremo (desmoralizado por brancos) uma mulher no
cargo de primeira ministra, e que pode inclusive, fazê-la sua
sucessora.
Lula, que não entende de etiqueta, sentou ao lado da rainha (a
convite dela) e afrontou nossa fidalguia branca de lentes azuis.

Lula, que não entende de desenvolvimento, nunca ouviu falar de
Keynes, criou o PAC; antes mesmo que o mundo inteiro dissesse que é
hora de o Estado investir; hoje o PAC é um amortecedor da crise.
Lula, que não entende de crise, mandou baixar o IPI e levou a
indústria automobilística a bater recorde no trimestre [como
também na linha branca de eletrodomésticos].

Lula, que não entende de português nem de outra língua, tem
fluência entre os líderes mundiais; é respeitado e citado entre as
pessoas mais poderosas e influentes no mundo atual [o melhor do mundo
para o Le
Monde, Times, News Week, Financial Times e outros...].

Lula, que não entende de respeito a seus pares, pois é um
brucutu, já tinha empatia e relação direta com George Bush -
notada até pela imprensa americana - e agora tem a mesma empatia com
Barack Obama.

Lula, que não entende nada de sindicato, pois era apenas um
agitador;.. é amigo do tal John Sweeny [presidente da AFL-CIO -
American Federation Labor-Central Industrial Congres - a central de
trabalhadores dos Estados Unidos, que lá sim, é única...]e entra
na Casa Branca com credencial de negociador e fala direto com o Tio
Sam lá, nos "States".

Lula, que não entende de geografia, pois não sabe interpretar
um mapa é autor da [maior] mudança geopolítica das Américas [na
história].

Lula, que não entende nada de diplomacia internacional, pois
nunca estará preparado, age com sabedoria em todas as frentes e se
torna interlocutor universal.

Lula, que não entende nada de história, pois é apenas um
locutor de bravatas; faz história e será lembrado por um grande
legado, dentro e fora do Brasil.

Lula, que não entende nada de conflitos armados nem de guerra,
pois é um pacifista ingênuo, já é cotado pelos palestinos para
dialogar com Israel.
Lula, que não entende nada de nada;.. é bem melhor que todos
os outros...!

Pedro Lima * |
Economista e professor de economia da UFRJ

DESCULPE OS NAO-LULAS MAS COMO RECEBO MUITOS EMAILS IRONIZANDO, DEBOCHANDO E FALANDO HORRORES DELE
ACHO QUE TENHO O DIREITO DE ENVIAR UM UNICO EMAIL QUE FALE BEM DESSE MARAVILHOSO ANALFABETO.

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Nutrição do Coração

Nutrição do Coração
Chico Braz Neto(18/08/2007)


O Coração come. Alimenta-se de um cardápio mais variado que aquele que oferecemos ao nosso corpo através dos alimentos. Depois de se transformarem dentro de nós os alimentos e as bebidas nutrem cada parte do nosso corpo incluindo o coração. Mas o coração é faminto de outros nutrientes, precisa se alimentar de emoções, de boas emoções, essas que pairam no ar e que são fartas entre quem se gosta.
Reencontrar amigos produz esse alimento vital para um coração saudável e bem nutrido.
O Coração se alimenta de palavras e de atitudes.
De olhares e carinhos.
Mimos e beijinhos.
De dias e noites em que dizem que somos especiais e que sempre seremos. Seremos por termos sido parte do alimento do Coração do outro e de muitos outros.
Alimenta-se da generosidade, esse alimento que dá tanta força ao Coração. Pois é o ingrediente que tem se tornado mais raro. Generosidade que é entregue ao coração por um sorriso sincero e carinhoso, por um abraço apertado, por um telefonema de alguém que quer saber se estamos bem, por tantos atos diferentes de pais zelosos, por tantos atos diferentes de amigos amados.

A medida que as pessoas colocam seus corações em dieta, tudo parece sem graça.
Mas parece que algumas pessoas fogem aos modismos e não fazem esse tipo de dieta.
A mesa é farta e os corações não precisam se conter, pois há magia neste alimento. Há de certa forma uma quebra nas leis da natureza, pois existe geração espotânea e acarreta que quanto mais os corações se alimentam mais haverá com que se alimentar.

terça-feira, 25 de maio de 2010

A DISTÂNCIA


por: Chico Braz Neto (06/08/2007)

A Distância, oh! A Distância! Que torna as palavras frias, que gela o sentimento, oprime o que é real e solta todo o imaginário. Como se a imaginação pudesse correr atrás do sentido total da palavra, mas não pode; pois com ela não veio o olhar da pessoa que te escreveu. Não veio a respiração e não veio o sorriso. Falta muito para o todo da palavra. Nela só há a parte e a imaginação é que completa todo o resto. Isso é tão perigoso quanto angustiante. Tanto pra quem escreve quanto pra quem lê. Se quem escreve se importa e quem lê também. Assim há tantas vítimas da palavra que sofre por causa da Distância, pois palavras não aguentam mais que correr da boca para o ouvido mais próximo.
Então corre palavra e diz aos que amo que nunca os esqueço e que a cada oportunidade nova farei-te correr do meu coração para o coração mais próximo.

Foi você.

por: Fran Braz Neto (10/08/2007)

Houve um dia
talvez fosse noite
quem sabe tarde
eu te vi miragem.

Olhei de novo
ainda lá
persistia
e aumentava
a fantasia
de que um dia
eu te teria.

Mas esbarrava
no perigoso
desconhecido
da tua alma
alma sem dono
sem direção
descontrolando
meu coração.

E o teu corpo
será tangível?
pois impossível
não desejá-lo
cabelo e boca
olhos sorrindo
sorriso lindo
nem sei fitá-lo
se faço isso
logo me entrego
que há muito tempo
já fui fisgado.

Passou o tempo
te conheci
e o perigo era iminente
não para ti
puro encanto
só para mim
um sem defesa
que pra ti canto.

Pra ti canto
prati canto
praticando
em versinhos
bobos e vivos
a arte de abolir
liberar tudo que sinto
e que mais há por vir
pois paixão não tem sentido
muito menos fim.

É bem assim
erro na rima
erro na métrica
para mostrar
minha bagunça
só a mensagem
fica evidente
Foi você
que não se confirmou
como miragem
virou oásis
me bagunçou.

Agora escrevo
estando só
sobre nós dois
nós dois não há
e só depois
de frio intenso
de tuas palavras
vou acordar
nem são tão frias
meu exagero
é desespero
Foi você
não estava lá.
Pior ainda
não está aqui.

As duas partes da defesa dos sentidos

por: Chico Braz Neto (9/08/2007)

Não sei, admito!
Sou um incapaz, um deficiente, débil, um desequilibrado, pois eu até consigo sentir amor e carinho pelos que estão distantes, mas que isso me dói incessantemente, ah dói!!! Dói muito.
Tento não falar muito a respeito.
Faço minha felicidade brotar das esperanças de reencontro, onde farei contato.
No reencontro os olhos vão poder sorrir, junto com todo o restante do corpo, pois engana-se quem pensa que o sorriso só está na boca.
Sorriso completo é de corpo inteiro, é de alma e de aura.
Mil desculpas a quem não sabe o que é isso.
Para quem nunca viu que alguém quase flutua pois está te vendo e sabe que em poucos segundos vai chegar o momento do abraço.
Depois do abraço as palavras mais melodiosas, mesmo que sejam cobranças: - prometa que nunca mais vamos ficar tanto tempo sem nos ver!
Há até a possibilidade de lágrimas de felicidade, mas quem não passou por isso nunca sentiu a diferença que faz em uma vida.

Escutei e escuto muitas vezes, passivamente, mas discordando veementemente que: "melhor que o momento especial, seja lá qual for o momento, o melhor é esperar por ele".
Se esperar fosse tão bom assim a gente já pedia pra pessoa não vir rápido. Dizia: -olhe meu amor, demore bem muito pra chegar que eu terei mais tempo pra curtir a espera.
Pra mim é até engraçado pensar que esperar por algo seja bom. Até por que na hora das nossas recordações, quando vamos contar os bons momentos da nossa vida, não lembro de ninguém contando: -meu amor, você lembra daquele dia que eu esperei 25 horas no aeroporto, pois seu vôo atrasou? Nossa como foi tão maravilhoso! Vamos repetir? Ou algo tipo: que bom foi no nosso casamento que todos adoraram e festejaram as 3 horas de atraso que você nos concedeu minha amada.
Sei não, eu estou exagerando nos exemplos, mas é tudo retórico. No fundo quero dizer que bom mesmo é a hora em que tudo acontece. Melhor o beijo que esperar por ele, melhor a dentada no brigadeiro que olhar pra ele e ficar pensando se está gostoso ou não, melhor ouvir o EU TE AMO que viver pensando: será que um dia ela ou ele se declara? Aí sei que esses momentos nós queríamos congelados no tempo, essas sensações nós torcemos para durar nem que seja um segundo a mais.
Por tudo isso é que quando estou perto dos meus sou mais feliz.

Eu sou o fotógrafo!

Eu sou o fotógrafo!
Essa foto me enche de orgulho. Eu acho que ficou perfeita.